J. K. Rowling lançará nova série baseada em Harry Potter







   Se tem uma coisa que não podemos negar, é que 2016 está sendo o ano perfeito para nós potterheads. The Cursed Child foi lançado recentemente, estamos todos em clima de Animais Fantásticos e agora mais essa. 

  Nesta quarta (17) nós recebemos a notícia de que teremos mais três e-books baseados no universo de Harry Potter. Eles reunirão os contos já publicados no Pottermore, mas com um conteúdo inédito.

 Os E-books vão chegar ao Pottermore no dia 06 de setembro e o custo previsto é de US$ 2,68


Leia um pouco sobre os livros: 


 
Short Stories from Hogwarts of Power, Political and Pesky Poltergeists 

("Histórias Curtas de Hogwarts Sobre Poder, Política e poltergeists enfadonhos" Em tradução livre) _ Conheceremos mais sobre a Umbridge, um mergulho em azkaban, Uma história inédita sobre o Professor orace Slughorn. Também encontraremos os problemas do ministério da Magia e um pouco de Tom Riddle.


Short Stories from Hogwarts of Heroism, Hardship and Dangerous Hobbies
("Histórias Curtas de Hogwarts Sobre Heroísmo, Dificuldades e Passatempos Perigosos" Em Tradução livre) _ Abordará as criaturas mágicas de Silvano Kettleburn, ex-professor de Trato das Criaturas Mágicas de Hogwarts, e ainda uma nova história escrita por Rowling sobre a professora Minerva McGonagall e o seu envolvimento na Segunda Guerra Bruxa. Também encontraremos histórias de Remus Lupin.



Hogwarts: An Incomplete and Unreliable Guide

(Um Guia Incompleto e Duvidoso" Em tradução )Com uma abordagem mais profunda e detalhada na querida Hogwarts, J.K Rowling apresentará as verdades do funcionamentos da Escola tão amada pelos bruxos. Fantasmas e até mesmo o chapéu Seletor estarão dentro deste livro.







Não sei vocês, mas eu estou amando todas essas novidades de Harry Potter. Adoraria que esses livros fossem publicados em versão física. Gostaram dos livros? Comentem aqui

Lançamentos Literários :: Agosto / 2016



Se liga nos lançamentos desse mês. Peguei algumas recomendações no Skoob e Facebook:





Star Wars: Antes do DespertarAutor: Greg Rucka
Editora: Seguinte
Páginas: 200
A jovem Rey vive em Jakku, um planeta desértico e inóspito. Ela sobrevive trocando equipamentos perdidos por ração e água, porém uma descoberta inesperada vai virar sua rotina de cabeça para baixo. Poe Dameron é um dos melhores pilotos da Nova República, mas quando as ameaças da Primeira Ordem parecem cada vez maiores, ele precisa rever se toda a sua dedicação está sendo eficaz para proteger a galáxia. FN-2187, por sua vez, é um stormtrooper dedicado e talentoso, que obedece aos comandos da capitã Phasma sem hesitação… mas aos poucos começa a questionar os métodos usados pela Primeira Ordem para alcançar o poder. Rey, Poe e Finn ainda não se conhecem e nem sentiram a Força despertar. Antes de formarem o trio de heróis que será a esperança da galáxia, precisam lidar com seus próprios dilemas e conflitos.








Alerta de RiscoAutor: Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
Páginas: 304

É com palavras assim que Neil Gaiman apresenta Alerta de risco, uma rica coletânea de histórias de terror e de fantasmas, ficção científica e conto de fadas, fábula e poesia que exploram o poder da imaginação.
Em “História de aventura”, Gaiman pondera sobre a morte e sobre como, ao morrer, as pessoas levam consigo suas histórias. No suspense “Caso de morte e mel”, ele nos presenteia com sua versão do mundo de Sherlock Holmes. Em “A Bela e a Adormecida”, duas conhecidas personagens de contos de fadas têm suas histórias entrelaçadas em uma releitura bastante original. “Hora nenhuma” é um conto muito especial sobre Doctor Who, escrita para o quinquagésimo aniversário da série de tevê, em 2013. E há também um conto escrito exclusivamente para esta coletânea: “Cão negro”, que revisita o mundo de Deuses americanos ao narrar um episódio que envolve Shadow Moon em um bar durante seu retorno aos Estados Unidos.
Um escritor sofisticado cujo gênio criativo não tem paralelos, Gaiman hipnotiza com sua alquimia literária e nos transporta para as profundezas de uma terra desconhecida em que o fantástico se torna real e o cotidiano resplandece. Repleto de estranheza e terror, surpresa e diversão, Alerta de risco é um tesouro que conquista a mente e agita o coração do leitor.








Entre NósAutor: Catia Mourão
Editora: Ler Editoral
Páginas:140
Finalmente temos a chance de desvendar todos os mistérios que envolveram Donovan Hunter durante os acontecimentos de Entre Nós, o primeiro livro da saga Mais Além da Escuridão.
Através da visão de sua criadora, esse instigante personagem ganha voz, na forma de um Spin Off vibrante e revelador.
“Passear pela mente de Donovan Hunter é uma experiência incrível! Tivemos uma boa amostra disso em Revelações. Mas nesse livro, cada página nos dá motivo para um novo suspiro. E nos trechos em que ele descreve suas conversas com Carlie então... Afinal, quem não gostaria de ser chamada de Princesa por esse lindo vampiro?”
Beatriz Soares – blog My Littler Metaphor






Jornada nas Estrelas: O Guia da SagaAutor: Salvador Nogueira e Suzana Alexandria
Editora: Leya
Páginas: 320

Jornada nas Estrelas – O guia da saga é um panorama completo dos 50 anos de um dos maiores ícones da cultura pop. A série, criada por Gene Roddenberry, estreou em 1966 levando para a telinha naves espaciais, viagens interestelares e diversas raças de alienígenas diferentes. Exibida em apenas três temporadas, ela deu origem a outras séries, desenhos animados e filmes, conquistando uma legião de fãs.

Com detalhes sobre todas as séries e filmes, este guia vai emocionar aqueles que cresceram acompanhando as aventuras do capitão Kirk, do Spock e da nave estelar Enterprise. Com a história da produção desse fenômeno televisivo, as curiosidades dos bastidores, inúmeras imagens e informações técnicas, este livro mostra como Jornada nas Estrelas se tornou uma das maiores sagas de ficção científica da história e referência na cultura geek






As chamas do paraísoAutor: Robert Jordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 944

Depois de uma perigosa jornada ao Deserto Aiel, Rand se consagrou como Aquele Que Vem Com a Aurora, conforme profetizado por seu novo povo. Ter um exército de homens e mulheres extremamente hábeis na batalha deveria ser uma vantagem, mas, conforme se apega aos novos aliados, o Car'a'carn, chefe dos chefes, se sente cada vez mais vulnerável às tramas de seus inimigos.
Enquanto isso, Nynaeve e Elayne perdem aliadas importantes e ganham uma poderosa inimiga. Após a expulsão de Siuan Sanche da Torre Branca, as duas Aceitas devem tentar encontrar as poucas Aes Sedais que continuam fiéis à sua causa. Porém, Moghedien está à espreita, determinada a capturar Nynaeve em sua teia.
Em As Chamas do Paraíso, Jordan aprofunda ainda mais seu criativo universo. Antigas instituições caem por terra e novas alianças se formam, pois o Dragão provoca mudanças por onde passa. Heróis lendários se juntam à história no novo volume de A Roda do Tempo, uma das mais extraordinárias séries já escritas.







O Coração da Esfinge (Deuses do Egito #2)Autor: Colleen Houck
Editora: Arqueiro
Páginas: 368

Lily Young achou que viajar pelo mundo com um príncipe egípcio tinha sido sua maior aventura. Mas a grande jornada de sua vida ainda está para começar.
Depois que Amon e Lily se separaram de maneira trágica, ele se transportou para o mundo dos mortos – aquilo que os mortais chamam de inferno. Atormentado pela perda de seu grande e único amor, ele prefere viver em agonia a recorrer à energia vital dela mais uma vez.
Arrasada, Lily vai se refugiar na fazenda da avó. Mesmo em outra dimensão, ela ainda consegue sentir a dor de Amon, e nunca deixa de sonhar com o sofrimento infinito de seu amado. Isso porque, antes de partir, Amon deu uma coisa muito especial a ela: um amuleto que os conecta, mesmo em mundos opostos.
Com a ajuda do deus da mumificação, Lily vai descobrir que deve usar esse objeto para libertar o príncipe egípcio e salvar seus reinos da escuridão e do caos. Resta saber se ela estará pronta para fazer o que for preciso.
Nesta sequência de O Despertar do Príncipe, o lado mais sombrio e secreto da mitologia egípcia é explorado com um romance apaixonante, cenas de tirar o fôlego e reviravoltas assombrosas.








O Homem que caiu na TerraAutor: Walter Tevi
Editora: Darkside
Páginas: 224
O Homem que Caiu na Terra tornou-se um verdadeiro clássico da literatura e uma das mais refinadas, sutis e delicadas ficções científicas já escritas. Publicado originalmente em 1963, ganhou reconhecimento em todo o planeta com a adaptação para o cinema dirigida por Nicolas Roeg em 1976. O filme também marcou a estreia de David Bowie no cinema encarnando o protagonista alienígena - para quem o papel parecia ter sido especialmente pensado (o que não foi o caso): um ser andrógino, impúbere, alto para os padrões terráqueos, delicado, magro, polido e que tenta se adaptar à vida terrestre para sobreviver entre os humanos.
Thomas Jerome Newton veio de Anthea para a Terra em uma missão desesperada para salvar os poucos habitantes que ficaram em seu longínquo e desconhecido planeta. Para isso, precisa construir aqui uma nave que possa trazer os 300 de sua espécie que ainda vivem em um planeta onde a água acabou e os recursos são cada vez mais escassos.
Com conhecimento e inteligência muito superior aos humanos, Newton logo se torna um bem sucedido empresário do ramo de patentes tecnológicas e também descobre a solidão, o desespero e o álcool - criando uma delicada parábola sobre as mudanças que estavam ocorrendo entre os anos de 1950 e o início da Guerra Fria.
Escrito com vigor e com uma prosa carregada de tensão poética, Walter Tevis produziu uma das ficções científicas mais realistas sobre um alienígena que vai absorvendo o dia a dia, o jeito e os vícios humanos pouco a pouco. Realista o suficiente para se tornar uma metáfora daquilo que todos nós carregamos: uma indescritível angústia e solidão existencial.




A Rosa BrancaAutor: Amy Ewing
Editora: Leya
Páginas: 320
No livro "A Joia", primeiro volume da série - A Cidade Solitária - Violet Lasting é comprada por uma das mulheres mais poderosas da realeza, a Duquesa do Lago, e vai viver com ela na Joia, o círculo onde mora toda a nobreza. Agora, Violet tem de fugir da Joia, do círculo nobre da Cidade Solitária para salvar a própria vida e a do seu amor, Ash. Junto com seu amado e Raven, sua melhor amiga, Violet tenta se libertar da terrível vida de servidão e crueldade. Só que ninguém disse que deixar a Joia seria fácil, e ela terá que passar por grandes obstáculos. No meio disso tudo, a jovem ainda descobre que há uma revolução sendo planejada contra a realeza e que seu papel nisso é fundamental. É hora de Violet descobrir que é muito mais poderosa do que sempre imaginou! A Rosa Branca é o segundo volume da trilogia "A Cidade Solitária" e traz novas e incríveis reviravoltas. Será impossível não ficar ansioso pelo último livro da saga.






 Pensei que fosse verdadeAutor: Huntley Fitzpatrick
Editora: Valentina
Páginas: 336

Um passado a ser esquecido. Um presente nada promissor. Um futuro a ser conquistado.
“O PARAÍSO À BEIRA-MAR.”
“O SEGREDO MAIS BEM GUARDADO DA NOVA INGLATERRA.”
A ilha de Seashell, onde passei minha vida inteira, é tudo isso e muito mais. No entanto, a única coisa que eu quero é ir embora daqui.
Gwen Castle nunca quis tanto dizer adeus à sua ilha natal quanto agora: o verão em que o Maior Erro da Sua Vida, Cassidy Somers, aceita um emprego lá como faz-tudo. Ele é um garoto rico da cidade grande, e ela é filha de uma faxineira que trabalha para os veranistas da ilha. Gwen tem medo de que esse também venha a ser o seu destino, mas, justamente quando parece que ela nunca vai conseguir escapar do que aconteceu – ou da ilha –, o passado explode no presente, redefinindo os limites de sua vida. Emoções correm soltas e histórias secretas se desenrolam, enquanto Gwen passa um lindo e agitado verão lutando para conciliar o que pensou que fosse verdade – sobre o lugar onde vive, as pessoas que ama, e até ela mesma – com o que de fato é.







Cruéis (Pretty Little Liars #16)
Autor: Sara Shepard
Editora: Rocco
Páginas: 336
No dramático desfecho da série Pretty Little Liars, Sara Shepard entrega aos leitores tudo o que eles merecem após 15 volumes eletrizantes. No décimo sexto e último livro da saga não faltam surpresas e reviravoltas, além de um final estarrecedor. Enquanto repórteres aguardam do lado de fora, Aria, Spencer, Hanna e Emily são julgadas pelo assassinato de Alison DiLaurentis dentro do tribunal de Rosewood. E embora saibam que são vítimas de uma armação e que Ali está viva, é difícil para elas provar a verdade, quando suas vidas sempre foram feitas de mentiras. Correndo contra o tempo, cada uma tenta uma saída para seu futuro, mas a condenação é iminente, a não ser que elas consigam vencer Ali em seu próprio jogo. Afinal, ela também já foi uma Bela Mentirosa.








Dungeons and DragonsAutor: Michael Witwer
Editora: Leya
Páginas: 304
Pai dos jogos de aventura fantástica, Gary Gygax tem uma história de vida que foi contada apenas aos poucos e em pedaços. Em O império da imaginação, Michael Witwer apresenta uma biografi a dinâmica de Gygax, desde a infância em Lake Geneva, Wisconsin, até a morte em 2008. Dungeons & Dragons, obra máxima de Gygax, explodiria em popularidade durante os anos 1970 e 1980 e mudaria o mundo dos jogos irreversivelmente. O RPG mais famoso de todos os tempos lidera uma classe de elite de jogadores, entre eles, George R.R. Martin, Robin Williams e Vin Diesel – todos já falaram abertamente sobre suas experiências com o jogo quando eram jovens, e muitos creditam a ele o início do exercício em que a imaginação começou a levantar voo. O envolvimento de Gygax na indústria dos jogos de tabuleiro e de RPG durou muito mais tempo do que sua dramática e involuntária saída da empresa criadora do D&D, a TSR. Sua infl uência ainda pode ser notada em fi lmes, livros e videogames do gênero. Witwer nos mostra, no entanto, que talvez a faceta mais convincente da vida e da obra de Gygax tenha sido seu compromisso inabalável com o poder da criatividade em face de uma miríade de adversidades – culturais, econômicas e pessoais. Por meio da criação do RPG, Gygax forneceu a gerações de jogadores as ferramentas necessárias para que cada um inventasse personagens e mundos inteiros em sua mente. Com uma narrativa de estilo particular que elegantemente captura o drama dos primeiros dias de D&D, Witwer escreveu uma crônica atrativa da vida e do legado desse imperador da imaginação.





 Alien #1Autor: Tim Lebbon
Editora: Leya
Páginas: 288

Chris Hooper, quando criança, sonhava com monstros. Mais tarde, ele percebeu que monstros não moram apenas nos sonhos infantis. Trabalhando numa mineradora, no planeta LV178, Chris e sua equipe encontram no solo um ninho de Xenomorfos, mas o que Chris ainda não sabia é que essa viagem se tornaria o seu pior pesadelo.

Com a participação de Ellen Ripley, essa nova aventura promete ser surpreendente e revelar uma história até então desconhecida. Resgatando todo o clima de terror e suspense que fez sucesso nos filmes, Alien: surgido das sombras é o primeiro livro da trilogia que promete trazer de volta monstros terríveis, naves espaciais, androides e uma das maiores heroínas que conquistou toda uma geração.





 Ilustre Poesia
Autor: Pedro Gabriel
Editora: Intrínseca
Páginas: 224
Antônio é um personagem de um romance que ainda está para ser escrito e que, entre um chope e outro, despeja frases e desenhos em guardanapos no bar que frequenta. Pedro Gabriel é autor da página Eu me chamo Antônio, no Facebook e no Instagram, que reúne as divagações e os rabiscos de seu alter ego. Antônio pertence à ficção e conquistou mais de 1 milhão de seguidores na internet. Pedro, por sua vez, consolidou seu espaço na literatura com dois best-sellers: Eu me chamo Antônio (2013) e Segundo (2014). Em Ilustre Poesia, seu terceiro livro, fantasia e realidade colidem. Criador e criatura dialogam por meio de palavras e ilustrações.
Desta vez, Antônio procura escapulir do confinamento nos quadradinhos de papel dos guardanapos e ganhar a liberdade. Ao mesmo tempo, Pedro Gabriel explora galáxias, as profundezas do mar e os confins da terra em textos de prosa poética que podem ser lidos como uma espécie de correspondência com o personagem. O senso de humor, a irreverência e o gosto pelos trocadilhos são compartilhados pelo personagem e seu poeta.

A relação entre Pedro Gabriel e Antônio começou há quatro anos no balcão do Café Lamas, um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro. Pedro costumava passar as noites tomando chope e escrevendo em guardanapos com caneta hidrográfica. Um belo dia, ocorreu-lhe a ideia de fotografar suas criações e compartilhá-las no Facebook. O sucesso foi imediato. Em poucos meses, ele havia se transformado numa verdadeira celebridade da internet.





 A Costa Negra (Atlantes #2)Autor: Kevin Emerson
Editora: Leya
Páginas: 368

O ACAMPAMENTO ÉDEN PARECIA O OÁSIS IDEAL, MAS ALGUNS PARAÍSOS ESCONDEM SEGREDOS SOMBRIOS.
A costa negra, segundo volume da trilogia "Os Atlantes", dá continuidade à história de Owen Parker, um dos descendentes da poderosa etnia Atlantes. Owen, Lilly e Sanguessuga escaparam do Acampamento Éden e o próximo passo na jornada deles é encontrar Atlantes e protegê-la de Paul e do Projeto Elysium. Para isso, eles vão precisar cruzar as terras desertas que sobraram de um planeta destruído. Ao contrário de Éden Oeste, que escondia segredos terríveis, agora o horror fica diante de seus olhos. A costa negra combina romance, ação e aventura, sem dúvida, um livro imperdível para os fãs da distopia.





 GeorgeAutor: Alex Gino
Editora: Galera Jr
Páginas: 144

Seja quem você é. Quando as pessoas olham para George, acham que veem um menino. Mas ela sabe que não é um menino. Sabe que é menina. George acha que terá que guardar esse segredo para sempre: ser uma menina presa em um corpo de menino. Até que sua professora anuncia que a turma irá encenar “A teia de Charlotte”, e George quer muito ser Charlotte, a aranha e protagonista da peça. Mas a professora diz que ela nem pode tentar o papel porque... é um menino. Com a ajuda de Kelly, sua melhor amiga, George elabora um plano. E depois que executá-lo todos saberão que ela pode ser Charlotte — e entenderão quem ela é de verdade também.





 Depois da Ultima DançaAutor: Sarra Manning
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336

Estação de King´s Cross, 1943. Rose chega a Londres querendo se entregar a uma vida de romance, glamour e dança, e para isso ela escolhe o Rainbow Corner, o mais famoso salão de dança da cidade. Enquanto a Segunda Guerra Mundial entra em seu momento final, Rose se apaixona perdidamente por um piloto, mas terá que lidar com as reviravoltas do destino antes que a guerra chegue ao fim.
Las Vegas, dias atuais. Uma linda mulher vestida de noiva entra em um bar procurando alguém para se casar com ela. Quando Leo assume o papel e diz “sim”, ele não tem nenhuma ideia da situação em que está se metendo. Quem será Jane, a mulher misteriosa? Quando Jane e Rose, agora uma senhora de idade, se conhecem, a fagulha da discórdia se acende. Mas acontecimentos que elas não podem controlar fazem com que o tempo se torne um bem muito precioso. Depois da última dança conta a extraordinária história dessas duas mulheres, separadas pelo tempo mas ligadas pelo destino. Um romance que fará com que você acredite no poder do amor.


 Essa Luz tão BrilhanteAutor: Estelle Laure
Editora: Arqueiro
Páginas: 208

O pai dela surtou e foi internado. A mãe disse que ia viajar por uns dias e nunca mais voltou. Wren, sua irmãzinha, parece bem, mas já está tendo problemas na escola. Lucille tem só 17 anos, e todos os problemas do mundo. Se não conseguir arrumar um emprego para pagar as contas e fingir para os vizinhos que está tudo em ordem, pode perder a guarda da irmã. Sorte a dela ter Eden, uma amiga tão incrível que se dispõe a matar aulas para ajudá-la. Azar o dela se apaixonar perdidamente justo agora, e justo por Digby, o irmão gêmeo de Eden, que é lindo, ruivo... mas comprometido.
Essa luz tão brilhante é a história de uma garota que descobre uma grande força dentro de si enquanto aprende que a vida e o amor podem ser imprevisíveis, assustadores e maravilhosos – tudo junto e misturado.

[RESENHA] Lembranças da Guerra - Irmgard Ruppel + Sorteio






   Que tal conhecer um pouquinho da Segunda Guerra Mundial? Eu sempre tive muita curiosidades sobre guerras, mas sempre tive uma dificuldade de entender como era sobrevir a guerra. Em Lembranças da Guerra, temos uma história verídica de uma jovem alemã que quis deixar esse livro como um registro histórico para as próximas gerações.



Título: Lembranças da Guerra
Autor: Irmgard Ruppel
Editora: M.BOOKS
Número de Páginas: 120
Ano de Publicação: 2016
Onde comprar: Livraria da folha, Travessa, Saraiva, Extra

Esta é a história real de uma mulher que viveu a juventude na Alemanha Nazista. Irmgard Ruppel acompanhou de perto os acontecimentos que marcaram a Segunda Guerra Mundial.
Nestas lembranças, a autora descreve sua infância feliz em uma família alemã bem estruturada e, mais tarde, a convivência com personalidades importantes do regime Nazista.
Durante a Segunda Guerra Mundial, muitos alemães não aprovavam as atrocidades que os Nazistas perpetravam. A Inteligência Nazista montou uma rede de espionagem para identificar pessoas com ideias opostas ao regime. Seu pai, alto funcionário público do Ministério da Fazenda, da República de Weimar, é envolvido em uma trama que o leva à prisão pela polícia secreta de Hitler.
No pós-guerra, entre as perdas e os reflexos desastrosos do conflito, ela encontra coragem e a possibilidade real de recomeçar.



    O livro conta a história de Irmgard Ruppel, uma jovem nascida em 05 de outubro de 1921 no  apartamento as margens do Rio Spree. Eram tempos difíceis. Alemanha tinha acabado de perder uma guerra. A inflação era prejudicial a todos.

   Irmgard nos conta um pouco sobre sua família. Seu pai se tornou filho único após perder seus irmãos por causa de doenças. Sua mãe não se importava muito com a sua criação e sobrava para sua avó de sessenta anos a responsabilidade da criação. Uma família que apresentava uma boa estrutura financeira, morando inicialmente em uma casa com dez aposentos e depois se mudando para outro maior ainda. Realizavam festas e adoravam convidar a vizinhança, Irmgard gostava das festas, mas odiava ter que ir cumprimentar a todos.

   O livro é dividido em oito capítulos, onde ela separa de forma bem significativa as épocas mais marcantes. A infância, viagens, período pré e pós guerra também são relatados.

   De uma forma clara e direta, Irmgard Ruppel nos apresenta sua vida com tanta vontade e orgulho, que não é necessário nem fechar os olhos para se imaginar ao cenário relatado. Uma mulher guerreira e sobrevivente que deixa com esse livro não apenas um registro histórico, mas uma medalha de missão cumprida.

    A escrita dela é bem comoda e fácil de ser entendida. O livro desenvolve muito bem onde ela conta de uma forma bem resumida seus acontecimentos. Ela consegue te passar tudo o que você precisa entender sem tornar as descrições massacrantes, mesmo sendo algo que encontramos em diversas biografias.




   Eu gostei bastante da capa, ela se relaciona muito com a estrutura do livro. Fotos e informações que definem exatamente sobre o que o livro trata. Não é daquelas que a gente não esquece, mas certamente é a perfeita pra esse livro.



O que mais gostei:


   Como vocês já sabem, eu acho de extrema importância variar o tipo de leitura, séries e filmes que assisto. Isso faz com que eu teste os meus gostos e até mesmo ajuda a não enjoar de algo que eu tanto amo. Lembranças da Guerra me ajudou bastante com isso, abordando um assunto que eu não me aprofundava desde o ensino médio e até mesmo por ser uma biografia.

O que não gostei:


   Eu achei de ele deixou a desejar em certos pontos. Havia momentos que eu estava extremamente empolgado para ler e outros que ele me deixou meio parado. Os primeiros três capítulos foram muito bem escritos e fáceis de ler.



Avaliação:



  E pra ficar melhor ainda, em parceria com a M.Books, vamos sortear um exemplar do livro. O sorteio já está rolando lá na fãpage do blog e você pode participar clicando aqui!



[RESENHA] A Maldição do Vencedor - Marie Rutkoski



   Qual é o livro que dominou meu coração e me tirou da Ressaca Literária? SIM! A maldição do vencedor absorveu toda a negatividade da minha vida e me trouxe de volta aos 45 do segundo tempo. Estava na hora, num é mesmo?

   Essa é a nova aposta da Plataforma 21 (Novo Selo Jovem da V & R) e tem sido um dos livros mais comentados no momento. Continue lendo para saber se esse livro conseguiu superar minhas expectativas.



Título: A Maldição do Vencedor
Trilogia: Trilogia do Vencedor - Livro 1
Ano: 2016
Autor: Marie Rutkoski
Páginas: 328
Editora: V & R
Selo: Plataforma  21
Onde comprar: Saraiva, Livraria da Folha, Ponto Frio, Travessa       -    SKOOB

   Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que os obrigarão a lutarem juntos, mas por razões opostas. A Maldição do Vencedor é um verdadeiro triunfo lírico no universo das narrativas fantásticas. Com sua escrita poderosa, Marie Rutkoski constrói um épico de beleza indômita. Em um mundo dividido entre o desejo e a escolha, o dominador e o dominado, a razão e a emoção, de que lado você permanecerá?


   Dois povos distintos e inimigos. De um lado os Valorianos, um povo poderoso, estrategista e dominante. Sem pena de destruição e sedentos pela vitória. Os valorianos derrotaram os herranis e tornou os sobreviventes míseros escravos em sua própria terra. Em um ambiente devasso pela guerra em que os derrotados não têm nenhuma expectativa de melhoria, encontramos Kestrel.

    Uma jovem de dezessete anos e que já teme o seu futuro prometor. Não deseja seguir caminhos já desenhados e sim traçar os seus. Filha de um general muito respeitado, Kestrel não quer seguir os passos do pai ou se tornar uma simples mulher. Ela deseja vencer as expectativas que o povo de Valória deposita nela e passar a ser ela mesma. Amante de música, ela deseja seguir cada tom em direção contrária a decisão que em breve ela deverá tomar: Se alistar ao exercito ou se casar.

   A aventura começa quando Kestrel se vê dando lances em um leilão de escravos. Ela não sabe o motivo de estar ali, ou por que interrompeu o passeio com sua amiga para tal. Ela simplesmente sabe que tem que adquirir o escravo, e tudo por que ele tem o dom de cantar.

 Esse é um fato bem interessante e de bastante destaque no livro. Os herranis são um povo com muita cultura. Valorizam a arte e seus dons. Incentivavam a arte a florir em todo o povo, mas com a derrota, eles perderam até certo direito de adorar seus deuses.

 Encontramos a partir daí uma aproximação entre ela e o escravo. Sabemos que Arin não é um escravo comum, notamos sua maestria e gentileza. E com um ar misterioso ao extremo, Kestrel se vê completamente próxima a ele, mesmo que sejam diferentes em termos de destino, eles carregam o amor proibido não como uma escolha, e sim como um destino.

Marie Rutkoski tem o dom de não ferir os personagens. Quando li essa sinopse logo pensei, "mais uma história de amor proibido e um romance exagerado", mas eu tomei um pelo chute na cara, pois ela constrói o romance entre os dois de uma forma tão sensata que a gente acaba se apegando a eles nas primeiras páginas.

 Com uma narrativa empolgante e se é que podemos chamar de "elegante". Faziam tempos que não
lia uma história de tal nível e importância.

Cá entre nós, a capa é daquelas que a gente compra sem nem ler a sinopse. Ela fixa em nossa mente e parece hipnose de tão bem feita e rica de detalhes.

 Não encontramos aqui um amor bobo, e sim, fiquei contente por isso. Uma obra com tal abordagem, traz até nós diversas visões de estratégias e conflitos. Desvendando mistérios ocultos e aproximações inesperadas. Uma fuga de fardos carregados por ser da burguesia e o destino avassalador.




O que mais gostei:

   Achei a Diferença entre os dois algo muito bem construído. Kestrel não queria viver entre a escolha de se alistar ou casar, e agora ela se encontra em mais uma escolha, ser leal ao seu povo ou a Arian.

O que não gostei:

   Não me deparei com nada que me afetasse. Eu realmente consegui levar o livro de forma significativa e me aprofundar em assuntos que trazem para os nossos dias. O livo fluiu muito bem, a narrativa é ótima, a história é muito bem construída e não deixou a desejar nem um pouco.

Book Trailer:




Classificação:




E ai? Ficaram curiosos? Se você já leu, comente aqui e vamos conversar sobre o amor que esse livro me deu!

CW libera primeiras imagens de Wally West como Kid Flash



   Finalmente o que nós tanto esperávamos vai acontecer. Wally West vai se tornar o Kid Flash na nova temporada que estréia dia 4 de Outubro. A CW ainda confirmou que sua aparição será a partir do primeiro episódio mesmo, então não precisamos mais sofrer.

   No momento só nos resta colocar a cabeça pra funcionar e criar especulações sobre o destino da série.  Confira o resultado do uniforme:






E ai? O que você achou do uniforme? Deixe um comentário!

[RESENHA] Talvez um Dia - Colleen Hoover





   Mais uma vez Colleen Hoover acabou comigo. Eu já li vários livros dela. Sempre fico sem palavras, mas dessa vez me senti na necessidade de sair por aí gritando como esse livro é maravilhoso. 
talvez-um-dia-colleen-hoover-minha-vida-literariaTítulo: Talvez um dia
Autor: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 368
Ano de Publicação: 2016
 Onde comprar? Saraiva, Travessa, Extra, Casas Bahia, Livraria da Folha 
Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.
   Sydney tem passado por bons bocados. A maioria das pessoas já devem ter passado pela experiência de ter perdido a confiança em um amigo e até mesmo um término de relacionamento por causa de traição. São duas dores completamente horríveis. No caso de Sydney essa dor é dobrada. No dia do seu aniversário ele descobre que o seu namorado está tendo um caso com a sua melhor amiga. E outro ponto que deixa a história ainda mais dramática, é que ela divide o apartamento com Tori.

   Agora solteira, sem sua melhor amiga e sem lar, Sydney aceita a oferta de seu vizinho músico, e se muda para o apartamento dele em troca de ser sua parceira de composições. Ridge a ajudou a não entrar em um quadro depressivo. Nele ela encontrou forças para esquecer Hunter e seguir sua vida, por mais que a vida ainda lhe der uns tropeços.

   Até aqui nós vemos uma relação bem conturbada. Uma menina que se encontra completamente desestruturada e sem rumo. Morando na casa de um vizinho que ela mal conhece. Levado para os nossos dias, seria algo totalmente louco. Na correria do dia a dia, as vezes nem temos tanto tempo de levar um relacionamento com a nossa comunidade, principalmente a ponto de morar junto. Eu não teria essa coragem, mas levando aos fatos e até mesmo a oportunidade de ajeitar sua vida, Sydney não pensou duas vezes.

   A parte do livro que mais mexeu comigo, foi o relacionamento que Ridge e Sydney foram construindo. Ele tinha tudo. A namorada que ele se encontrava apaixonado. Ele a amava. E ao mesmo tempo, se viu perdido em uma menina que mal conhecia, mas que seus sentimentos já a desejavam. Para Sydney, o fato dele ser comprometido foi a parte difícil. Acredito que entrou na lista dos sofrimentos dela. (Amiga traíra, Namorado infiel, e Crush compromissado). Realmente não foi fácil.

   A narrativa de Colleen pra mim é algo de extrema intensidade. Embora nesse livro eu não tenha sentido tal admiração pela escrita, e sim pelo desenvolvimento da história. Fazia algum tempo que eu não pegava um livro e me sentia saciado pela leitura.


A capa mais uma vez é daquelas que eu me apaixono. Acho que das minhas favoritas essa só perde para a capa de O Lado Feio do Amor. Como vocês já sabem eu sou bastante exigente com capas e se algum livro deixa a desejar nela, ele certamente perde muitos pontos comigo.

   Acho que o que mais me fez apegar a esse livro, foi o quanto ele te faz pensar. São diversas situações que parecem um código ou palavra chave que faz com que o cérebro fique uns 20m pensando em como você resolveria essa situação. Realmente ele serviu para mim como um livro para repensar e rever a minha vida.


O que mais gostei?

   A história e o rumo da personagem foram a melhor parte para mim. É algo tão cotidiano e tão inacreditável ao mesmo tempo que me deixou sem palavras.


O que não gostei?

   Cá entre nós não tem como não gostar de um livro da Colleen Hoover. Ela é a dama da minha vida e senhora das minhas leituras. Mas acho que faltou um pequeno toque de empolgação em certas partes, mas nada que deixe a desejar.




   Sem dúvidas esse livro é de forte impacto e bem gostoso de ler. Eu recomendo a todos! Já leu? Tem vontade de ler? Ficou curioso? Comente aqui e vamos trocar uma ideia!

Poussey NÃÃOO! #DiarioDaMaratona 1

 

   Hoje vim passar rapidinho para falar da primeira maratona das minhas férias. Vou tentar fazer esse diário com todas as maratonas e depois fazer a crítica aqui no blog.

  Os fãs de Orange Is The New Black vão me entender. Todo ano é a mesma coisa. A linda da Netflix lança os episódios e a gente assiste em no máximo dois dias. Eu apoio a proposta da Inês Brasil, 50 temporadas por ano seria perfeito!

   Por mais incrível que pareça, tudo deu certo. Minhas férias começaram exatamente no dia da estréia, foi a primeira vez que assisti a série em um dia. Na verdade eu deixei a season finale para o dia seguinte. Sim. Eu não consegui dormir direito.

   A produção mais uma vez está de parabéns. A série continua seguindo o mesmo esquema de 13 episódios e  tem um ótimo rumo, que certamente não te deixa a desejar. Empolgante e surpreendente, ela te deixa de queixo caído diversas vezes, e o final é daqueles que você tem vontade de dormir e acordar na próxima temporada.

  Para os amantes dos casais, preparem o coração!

Warner Bros. Studio Tour promoverá Café da manhã em hogwarts



 Mais uma notícia para nós fãs de Harry Potter, A Warner Bros. Studio Tour promoverá um café da manhã para os fãs que visitarem o estúdio. Foi uma boa jogada, aliás, Quem nunca sonhou em comer naquela mesa magnífica e farta?

 O evento ocorrerá nos dias 21 e 28 de agosto (mês do meu aniversário, mãe, eu te amo) às 10h no Warner Bros. Studio Tour em Londres.

 As vendas já estão rolando e você consegue garantir seu ingresso clicando aqui!

Sorteio: Arraiá Literário - 41 livros!!


 Olá leitorees!! Hoje nós temos mais uma surpresa. É um sorteio em parceria com vários blogs. Não perca tempo e participe!!!


Regras: 


O primeiro ganhador de cada kit (1, 2 e 3) terá o direito de escolher 5 livros dos disponibilizados, e o segundo ganhador ficará com os outros 5. Já o kit 4, o primeiro ganhador escolherá 6 livros.
A promoção inicia dia 01/06 e os sorteios ocorrerão no dia 01/08.
Após o aviso do resultado os vencedores terão 72 horas para retornar o contato. Caso não haja resposta dentro do período, será feito um novo sorteio.
Você precisa residir em território brasileiro;
Cada blog é responsável pelo envio do seu respectivo prêmio, ou seja, os prêmios chegarão individualmente e em prazos diferentes;
Nós não nos responsabilizamos por problemas com a entrega do prêmio de nenhum dos blogs participantes;
O prazo de envio dos prêmios será de 40 dias após a divulgação do resultado;
O resultado será divulgado em no máximo 10 dias após o término das inscrições neste mesmo post;
Os ganhadores receberão um e-mail (geo.andrade16@hotmail.com) e terão 3 dias para entrar em contato. Caso não haja o contato dentro desse prazo faremos um novo sorteio;
Não nos responsabilizamos por extravio dos correios e endereços incorretos;
Você precisa cumprir as regras obrigatórias dos formulários abaixo. Cumprir alternativas extras do formulário, ficam a critério do participante, mas são mais chances de ganhar!

KIT 1- BARRACA DO BEIJO






BLOGS:
Blog Vanessa Sueroz - Confusões em Paris
Mon Petit Poison - No Seu Olhar
Papos Literários - Louco por você
Lost Girly Girl - O melhor de mim
Lendo & Apreciando - Lua de Mel
Leitora It O Bangalô
Histórias Sem Fim - Sob a luz dos seus olhos 
Macchiato - Carmela e Lorenzo
Deixe Apenas Fluir - A Última Música 

Vício de Leitura - Simplesmente Ana 

KIT 2 - CORREIO ELEGANTE






BLOGS:
Ensaios de uma Leitura - A Máquina de Conta Histórias
Saleta de Leitura - Quando tudo volta
Interessante de Ler - O Pequeno Príncipe
Every Little Book - Cidade dos Segredos 
Gordinha Assumida - O Começo de tudo 
Caverna Literária - Twittando o amor
Livros Encantos - A Playlist de Hayden
Virando Amor - Virando Amor
Blog da Fê - Vinte garotos no verão
Doces Letras - A Mentira



a Rafflecopter giveaway



Kit 3 - Touro Mecânico




BLOGS:
Geovanna Andrade + Farol Literário - Jogos Mentais
Cheirei um livro - Crime no hotel
Doce Sabor dos Livros - Mal intencionados
Blog Monykisses - A vida do livreiro A. J. Fikry
Primeiras Impressões - A Caçada
Seja Cult - Colin Fischer
O Gabriel Lucas - Cidades Mortas 
Confissões Femininas - A Rainha do Sul
Era Uma Vez o... Livro -  Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos

Dialética Proposital - Minha Vida Dava um Livro




Kit 4 - Peão Boiadeiro





BLOGS: 
Ensaios de uma Leitura - Tempo de Mudanças - Lisa Jewell
La Garota - A Máquina de Contar Histórias
Estante da Josy - Pais brilhantes, Professores Fascinantes
Praxe Literária - Eternas Escamas
Interrupted Dreamer - Axolotle
Felicidade em Livros - Quando tudo volta
Pipoca Radioativa - Clube da Luta
Books Ever - A Sereia de vidro
Estava Lendo - O Pequeno Príncipe 
Garota Agridoce - Homens, Mulheres e Filhos 

a Rafflecopter giveaway

Faculdade, trabalho, familia: Como lidar com o bloqueio literário?



 Se tiver uma coisa que todo leitor já sofreu e tem vergonha de admitir é bloqueio literário. Não importa a sua média de leitura mensal, vai chegar um momento em que algo irá te tirar da rotina e sua leitura será afetada. Blogueiros, editores, autores... Não importa sua ocupação, você também será atingido.

 Nós leitores amamos realizar maratonas de séries, ler vários livros em pouco tempo, shippar o casal alheio, mas em certos momentos não conseguimos ler um livro no mês. Isso se torna algo tão frustrante que a gente tenta de todas as formas. Pega um livro na estante, insiste, insiste, insiste e deixa no criado mudo até o final da semana. Quando voltamos para a saga da insistência, alguém entra no quarto por um motivo besta e tira nossa atenção completamente, e adivinha o que a gente faz? Voltamos para a leitura? Claro que não. Vamos direto para o celular só para conferir as notificações e quando vemos já são duas horas da manhã e temos que acordar as cinco para mais um dia a luta.

  Até ano passado eu considerava minha rotina um pouco corrida. Escola, técnico, pré-vestibular. Não parava nem aos finais de semana. A meu ver tudo se resolveria em 2016. É. Eu me enganei. O pensamento de que não estudar integral me traria "liberdade" para colocar minhas séries e livros em dia foi por água baixo. Por mais que eu não trabalhe e seja focado apenas aos estudos, me sinto culpado em passar uma tarde lendo ao invés de estudar anatomia. Parece bobo? Parece, mas isso está me deixando com um quadro de Depressão literária. Quando surge um tempo, a preguiça só libera para as séries. 


  A minha grande dúvida é como se livrar desse espírito ruim que não nos deixa mergulhar nas histórias que tanto amamos. Separei algumas medidas que estou tomando para conseguir ler o primeiro livro do ano (na verdade nem lembro se já li algum) e acabar com a bad. 

 1- Pegar um livro que você já leu e gostou pode ajudar. No meu caso escolhi o "A mais pura verdade", foi um dos melhores livros da minha vida e acho que reviver os sentimentos que ele me passou será muito importante. Tem resenha dele aqui no blog, clique aqui para ler!

2- É essencial escolher a narrativa ideal. Todos nós temos um tipo de narrativa preferida, ou alguma característica do autor que você sempre gosta.

3- Evitar séries. Sem dúvidas isso é importante. Estou querendo ler O teste a muito tempo, mas só em pensar na continuação eu já desanimo.

4- Crie um cronograma de leitura. Com trinta minutos todo dia você com certeza irá terminar seu livro e ficará satisfeito.

5- COLOQUE O CELULAR NO MUDO. Nem preciso falar nada né?

 Não sei se isso irá funcionar com vocês, mas é um pouco do que estou fazendo para voltar ao meu ritmo passado. A falta de postagens por aqui é simplesmente por que não estou lendo. Semana que vem volto a falar sobre o meu bloqueio literário, quem sabe eu esteja melhor?